Como encara a possibilidade de virem a ser responsabilizados, civil e criminalmente, pela gestão danosa que praticaram?

Monday, 2 July 2018 · Posted in ,

José Pedro Rodrigues, recorde-se, viu-se impedido de participar na AGE tendo sido notificado a meio da noite que a sua condição de sócio se vira alterada.

O Record publica:

Carta aberta de José Pedro Rodrigues a Carlos Vieira.

Dirigiu V. Exª os destinos do Sporting Clube de Portugal nos últimos anos, em conjunto com Bruno Miguel Azevedo de Carvalho, tendo tido a responsabilidade nas finanças do Clube e da SAD.

Durante praticamente todo o tempo que exerceu funções, raramente ouvimos de si qualquer explicação, por mais simples que fosse, sobre a realidade económica ou financeira do Clube e da SAD, mas assistimos a um discurso presidencial do " milagre da multiplicação dos pães ", onde até a apresentação de relatórios de sustentabilidade ( seguramente elaborados por empresas externas que cobram fortunas ) serviu para eludir a realidade económica e financeira do Clube e da SAD.

Ouvimos repetidamente a mentira apregoada pelo ex presidente " à boca cheia", que foi obra sua e dele a reestruturação financeira concretizada em 2014, apesar de todas as pessoas que directamente participaram nesse processo terem sempre negado tal facto e saberem que foi com o Eng. Luis Godinho Lopes e Dr Sikander Sattar que tal reestruturação foi negociada, à excessão do Dr. José Maria Ricciardi que precisou de mais de cinco anos para finalmente vir a público esclarecer tal facto.

Aliás pelas contas da SAD depositadas na CMCVM, é fácil constatar que não eram capazes de negociar qualquer reestruturação financeira. Já que ao contrário do que apresentaram e mostraram aos Sportinguistas, os vossos cinco anos de mandato trouxeram 100M de € de divida financeira adicional e 45 M€ de resultados operacionais negativos e isto apesar de:

- terem vendido nesse período 200M€ de jogadores
- terem antecipado receitas no valor de 60 M€ de televisão, publicidade e bilhética
- terem emitido 80M€ adicionais de VMOCs
- terem estendido o direito de superfície do estºadio até 2063 com um encaixe nulo, mas reflectido nas contas de 74 M€

Dado que lemos no passado dia 22 de Junho de 2018, finalmente, a uma entrevista dada por si ao DN, onde vem fazer afirmações que carecem de explicações, gostaríamos de ser esclarecidos:

1 - Afirma Vª Exª que "os desequilíbrios financeiros são uma realidade de todas as SAD´s que depois são compensadas com as vendas dos jogadores".
Apesar de ser escandalosa a sua afirmação, embora verdadeira pois como dizemos acima em 5 anos perderam operacionalmente 45M€, poderá esclarecer o Universo Leonino como pensava realizar a venda desses jogadores depois dos acontecimentos de 15 de Maio e da posição assumida pelos mesmos?
Porque não se demitiram naquele momento tão conturbado para evitar a rescisão e eventual perda dos activos, que permitiriam hoje o Sporting não estar em falência técnica?

2- Afirma que "empurrámos para Novembro a concretização da emissão do empréstimo obrigacionista, que não foi possível concretizar e que daria um apoio de tesouraria…".
Poderá explicar aos associados do Sporting porque foi necessário e como seria possível "empurrar" um empréstimo obrigacionista, que quebra com todas as regras da confiança, imprescindíveis na relação com o mercado, os investidores e as instituições financeiras que têm trabalhado com o Sporting? Não será isso a revelação da vossa deficiente gestão e portanto perca de liquidez?
Como explica aos associados do Sporting que a tesouraria dependia da emissão dum empréstimo obrigacionista, quando sempre propagandeou que o Clube e a SAD viviam uma situação única de desafogo financeiro, com resultados operacionais fantásticos?

3 - Afirma que " vai haver uma redução de massa salarial, à partida "…
Como tem a "destinta lata" de continuar a vir eludir os sócios do Sporting, quando aumentaram em mais de 74 % os gastos com pessoal, contrataram indiscriminadamente funcionários, regra geral no seio das famílias dos órgãos sociais do clube, e criaram uma quantidade de benefícios para os órgãos sociais nunca visto em Alvalade?

4 - Afirma que " não estão garantidas as condições de segurança para a emissão do empréstimo obrigacionista"…
Como foi possível, conhecedor deste factor, não ter apresentado a sua demissão imediata? Ou não perceberam que quem criou as deficientes condições de segurança, foi a vossa truculenta e danosa gestão?
Como foi possível deixar que o Sporting mergulhasse neste abismo financeiro, onde se perspectivava a incapacidade de cumprir com os seus compromissos ?

5 - Questionado se nos próximos dois meses o Sporting ficaria sem dinheiro, afirma. " não acho que isso vá acontecer"…
Como pôde fazer afirmações desta gravidade, quando sabemos hoje que uma série de compromissos não foram respeitados e o acordo com as instituições financeiras para recompra das VMOC´s não foi cumprido?
Poderá informar os sócios do Sporting qual o saldo do fundo de reserva criado para o efeito, à data da sua cessão de funções?

6 - Afirma `o revolving de 30 milhões, o empréstimo de 15 a 20 milhões e mais uns pózinhos e chegamos aos 60 milhões"
Pode explicar melhor a que "pózinhos" se refere? Ou qual a "fatia da tarte" que não quiseram dividir com o Dr José Maria Ricciardi?

7 - Rui Patricio esteve com um acordo fechado para ser vendido a um clube da liga inglesa, com uma proposta que permitiria cumprir, no imediato, uma série de compromissos financeiros.
Como explica que tal negociação não tenha sido concluída, a bem dos superiores interesses do Sporting? Se o valor era baixo, não percebem que foram vocês que destruíram valor pelas afirmações que fizeram?

Por último, como encara a possibilidade de virem a ser responsabilizados, civil e criminalmente, pela gestão danosa que praticaram e se está disposto a a assumir pessoalmente, e com o seu património, todos os danos que causaram ao Sporting Clube de Portugal?

Lisboa, 27 de Junho de 2018

2 Responses to “Como encara a possibilidade de virem a ser responsabilizados, civil e criminalmente, pela gestão danosa que praticaram?”

  1. Replies
    1. É aguardar os resultados ...
      https://observador.pt/2018/07/03/sporting-comissao-de-gestao-quer-auditoria-forense-as-contas-do-clube-e-da-sad/

      Delete

Powered by Blogger.