Sunday, 9 April 2017

Vi-o, sei que existe, e quem não passou os finais dos anos 80 em coma sabe literalmente o que é ser feliz.

Qual é a diferença entre heróis e heróis? Os primeiros são como quaisquer homens: comuns, embora muito especiais. Os segundos são maus actores. Os primeiros articulam ilusão e o nosso maravilhamento de infância para nos ensinar qualquer coisa. Os segundos, no melhor das hipóteses, entretêm-nos.

No universo dos heróis, cada um tem os seus, consoante o que retiramos a partir do que vemos, certo sendo que podemos todos olhar para a mesma coisa, e vendo-a, ver coisas diferentes. «Não há mistério, só magia».
MacGyver é, sê-lo-á sempre, um dos meus predilectos heróis, e quem achar que se trata de um actor ou que na realidade não existiu, é parvo.
Vi-o, sei que existe, e quem não passou os finais dos anos 80 em coma sabe literalmente o que é ser feliz.

Também sinto saudades do Indiana Jones.

0 comentários

Post a Comment