Palmarés

Internacional, equipas

Goalball (D. Adaptado)

1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Hóquei em Patins
:
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
3 Taças dos Vencedores das Taças
2 Taças CERS
Futebol:
1 Taça dos Vencedores das Taças
Atletismo:
Pista feminino
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Cross masculino
14 Taças dos Clubes Campeões Europeus
Pista masculino
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Andebol:
2 Taças EHF Challenge

Nacional, equipas

Futebol:
22 Campeonatos Nacionais
16 Taças de Portugal
8 Supertaças Cândido de Oliveira
Andebol
:
18 Campeonatos Nacionais
15 Taças de Portugal
3 Supertaças
Hóquei em Patins:
7 Campeonatos Nacionais
4 Taças de Portugal
2 Supertaças António Livramento
Atletismo:
Pista feminino
46 Campeonatos Nacionais
Pista Coberta feminino
22 Campeonatos Nacionais
Cross feminino

5 Campeonatos Nacionais
Pista masculino

48 Campeonatos Nacionais
Pista Coberta masculino
17 Campeonatos Nacionais
Cross masculino
46 Campeonatos Nacionais
Futsal:
13 Campeonatos Nacionais
5 Taças de Portugal
6 Supertaças
2 Taças da Liga
Natação
:
6 Campeonatos Nacionais feminina
6 Campeonatos Nacionais masculina
2 Taças de Portugal masculina
Basquetebol:
8 Campeonatos Nacionais
5 Taças de Portugal
Voleibol:
2 Taças de Portugal feminino
1 Supertaça feminino
5 Campeonatos Nacionais masculino
3 Taças de Portugal masculino
3 Supertaças masculino

 

 
Inaugurado em Março de 2011, encerrado em Maio de 2014, reaberto sob o mesmo nome mas diferente endereço em Agosto de 2016, é este um pequeno e doméstico espaço onde se olha o passado, o presente e o futuro da maior potência desportiva Nacional.

O melhor do clube são as pessoas, mas não são quaisquer pessoas. Foram os nossos fundadores, atletas e treinadores. É a nossa história. O clube não és tu, não sou eu, nem «somos nós». São eles. As mensagens que publicarmos evidenciarão esse intuito, versando sobre a instituição, a sua notável história, acumulado de feitos presentes e passados, proeminentes homens que a serviram e ergueram, cumprimentando as suas memórias mas mais importante, preservando a sua autoridade, ainda que não vivam entre nós.

Os primeiro e nono melhores jogadores do mundo.

Tuesday, 13 December 2016

Distinções da 'France Football' para dois recentes campeões Europeus de selecções, baluartes do desporto Nacional, históricos do Real Madrid e referências do futebol mundial numa votação onde participaram 173 jornalistas.
Ronaldo vê-se com justiça premiado pelas fabulosas pancadas e marretadas na bola, pela falta de aptidão para jogar futebol e pelo sacrifício de milhares de horas passadas no ginásio que fazem dele, sem dúvida, o melhor atleta de triatlo e pentatlo do futebol Europeu.
Pepe vê-se premiado pelo péssimo jogador que é, pelo mau defesa central que é e pelo perfil mesquinho, repugnante e cobarde de um incapaz que passa tanto tempo a agredir colegas de profissão quanto no chão a simular faltas e agressões sofridas.
Relevam-se deste modo a completa rendição do talento e da qualidade aos méritos do esforço e do poderio físico, e destacam-se culturas de arrogância (Ronaldo) e de falta de desportivismo (Pepe) em prejuízo de outros atributos, como a humildade e a honestidade, infelizmente cada vez mais raros em futebol.
Para o pódio ficar completo (capa do 'Record' online), surge mais uma vez um liposugado em destaque pelas mensagens que escreve nas redes sociais. Num fim-de-semana que viu a sua equipa perder 3 pontos para um rival directo e cair para o 3º lugar da tabela, não tem pelos vistos mais nada a fazer senão carregar no perfil de tontinha que parece não querer corrigir.

2 comentários:

RG said...

"Falta de aptidão para jogar futebol". És mm triste.

Anonymous said...

Ainda activo no Municipal de Chaves, era de Vukcevic esta Bola.

Post a Comment