Wednesday, 2 November 2016

Muita competência em Dortmund

Com um plantel mal construído (porque construído por dirigentes incapazes) no qual sobressaem opções em qualidade muito aquém das dos seus principais rivais: Mata Real (Paços de Ferreira), Alvalade em clássico frente a FC Porto, Real Madrid no Santiago Bernabéu, Guimarães, novamente Alvalade na recepção ao Borussia e finalmente esta noite em Dortmund, jogos que somados a tantos outros que o Sporting fez na última temporada deveriam, independentemente dos resultados, ser mais do que suficientes para que conseguíssemos identificar a grande mais-valia do actual futebol do Sporting - treinador Jorge Jesus.
Ainda assim, na sequência dum jogo em que somámos mais um resultado negativo, continuaremos a ver os exercícios de quem no último mês critica de forma desonesta JJ com o singular propósito de atingir Bruno de Carvalho, bem como os exercícios de quem critica Jorge Jesus por ser incapaz de perceber aquilo que em maioria de razão limita ou prejudica o futebol do Sporting. Quando refiro critica não pretendo evidentemente sugerir que o treinador do Sporting está acima dela (crítica) nem que fez / faz / fará tudo bem feito, mas simplesmente evidenciar o absurdo de apontá-lo como o maior responsável pela onda de maus resultados que nos afecta. O treinador do Sporting não só não é o maior responsável pelos maus resultados quando é simultaneamente a fonte das nossas principais virtudes.

1 comment:

  1. Isto é que é uma paixão. Mais uma vez não fomos para o intervalo com dois ou três no saco com muita sorte.

    ReplyDelete