Sunday, 5 January 2014

Um Rei que vai ser enterrado no seu dia, dia de Reis



Hoje é dia de todos falarem de Eusébio.
Muitos nem saberão quem foi nem o que representou e representa.
Vou deixar aqui dois "posts" nossos, como homenagem:

Uma lenda, simplesmente Eusébio (Julho de 2012)
Sporting CP e Eusébio da Silva Ferreira (Novembro de 2011)

1 comment:

  1. Viva Pedro,

    Só há pouco soube da notícia. É uma perda triste em sentido diminuto para o futebol e numa escala maior para a cultura do país, em associação ao alcance que o jogo tinha na altura em que Eusébio jogava à bola, e os feitos internacionais que protagonizou ao serviço do Benfica e da selecção Portuguesa. Muita gente no estrangeiro conhecia e conheceu Portugal por causa de Eusébio. Só por causa de Eusébio.

    É curioso que futebolísticamente Eusébio vê-se equiparado / ultrapassado (como diz um desses posts) em fama por outros jogadores Portugueses (Figo ou Ronaldo), não porque fosse melhor ou pior mas simplesmente porque no seu tempo o mundo não era tão mediatizado como é hoje, mas é o único futebolista que até hoje teve / tem para Portugal uma importância que vai muito além do futebol, algo que não me darei o trabalho de justificar porque não me apetece. Ao passo que Figo e Ronaldo existem no mundo do futebol, a importância de Eusébio assumia outras dimensões. Nessa medida, único (e quem sabe irrepetível).

    Por último, ainda sobre Eusébio, escrito por ti em 2008:

    Bolas para as coincidências. Dos três o meu preferido é Eusébio, não misturo clubes com pessoas ... teria muito mais prazer em beber umas imperiais e comer uns tremoços com Eusébio, que discutir brincos de diamantes e implantes de silicone com Cristiano Ronaldo ou em (ou em?) discutir investimentos de futuro com Figo.

    Um abraço.

    ReplyDelete