Inaugurado em Março de 2011, encerrado em Maio de 2014, reaberto sob o mesmo nome mas diferente endereço em Agosto de 2016, é este um pequeno e doméstico espaço onde se olha o passado, o presente e o futuro da maior potência desportiva Nacional.
Ademais, este é um blogue pessoal no qual se vêem analisados outros temas bem como um depósito para comentários que vou deixando um pouco por toda a parte.
Para deixar uma palavra usando uma conta do 'blogger' ou de forma anónima: Clica no título do respectivo 'post' (à direita do texto). Alternativamente: Usa a tua conta do FB.
Regras superficiais de utilização: Bom-senso.

Quando por vezes olhamos o nosso clube, tomamos contacto com coisas pequenas que nos marcam. Entre algumas, imagens. Há fotografias que por diferentes motivos nos encantam. Podemos não saber o que retratam ou o universo a que pertencem, e muitas vezes nem conseguimos identificar quem nelas aparece. Não obstante, por encerrarem extraordinária beleza e dizerem respeito ao Sporting, são marcantes. Esta imagem é uma delas. Trata-se duma fotografia esplêndida.

A figurar, Chana



O Pavilhão Municipal José Gouveia encheu-se de público que exultou quando o «mágico» entrou na pista para a homenagem.
Na ocasião, a secção de hóquei em patins «leonina» ofereceu uma placa alusiva à cerimónia que Chana recebeu comovido. Foi em São João da Talha.

Vitor Manuel dos Santos Carvalho. Ao fora-de-série conhecido por Chana, rendemos de igual modo a nossa homenagem.

Rendição ao poder de um fora-de-série, Chana.

Posted on

Monday, 24 June 2013

6 Comments
  1. Foi a melhor equipa de hoquei que alguma vez jogou. Lembro-me dos jogos épicos com o Voltegrá, que era o nossa grande rival na altura.
    Ramalhete
    Sobrinho e Rendeiro
    Chana e Livramento.
    Ultimamente tenho visto várias referencias a esta euqipa em blog's Sportinguistas, mas em nenhum vi a devida homenagem a Torcato Ferreira, o treinador destes homens.

    ReplyDelete
  2. Tive o privilégio de acompanhar o Mundial de 82, vi todos os jogos em Lisboa ao vivo, e todos os jogos em Barcelos via tv, e mantenho o que já disse a muita gente, o Chana jogou nesse mundial muito provavelmente o melhor hóquei da sua extraordinária carreira.

    ReplyDelete
  3. Estimado Sloct, o «fora-de-série» no título são palavras suas :)
    Recorda-se quando foram (por si) escritas?

    Francis, teremos imenso gosto em tentar essa homenagem.

    ReplyDelete
  4. Caro Manuel, podia estar para aqui a armar em esperto e dizer que me lembrava perfeitamente, mas a verdade é que não tenho ideia nenhuma, eheheh.
    Mas mantenho obviamente o que disse, o Chana foi um fora-de-série, indiscutivelmente.

    ReplyDelete
  5. Estimado Sloct, «tenho muita pena de não ter tido oportunidade de ver o Adrião jogar, o meu Pai sempre me disse que era do nível do Livramento. Mas era outro hóquei, muito mais bonito que o que se pratica hoje ...»

    Há 3 anos, onde está também resumida a carreira de Chana nas duas passagens pelo Sporting, bem como na selecção. «Mas era outro hóquei, muito mais bonito que o que se pratica hoje», elemento ao qual Miguel Nunes fez referência aqui (1º comentário) , remetendo para outro nome dessa ímpar equipa, Júlio Rendeiro.

    ReplyDelete
  6. Ok, já me lembro, eheheheh

    ReplyDelete

Search This Blog