Palmarés

Internacional, equipas

Goalball (D. Adaptado)

1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Hóquei em Patins
:
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
3 Taças dos Vencedores das Taças
2 Taças CERS
Futebol:
1 Taça dos Vencedores das Taças
Atletismo:
Pista feminino
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Cross masculino
14 Taças dos Clubes Campeões Europeus
Pista masculino
1 Taça dos Clubes Campeões Europeus
Andebol:
2 Taças EHF Challenge

Nacional, equipas

Futebol:
22 Campeonatos Nacionais
16 Taças de Portugal
8 Supertaças Cândido de Oliveira
Andebol
:
18 Campeonatos Nacionais
15 Taças de Portugal
3 Supertaças
Hóquei em Patins:
7 Campeonatos Nacionais
4 Taças de Portugal
2 Supertaças António Livramento
Atletismo:
Pista feminino
46 Campeonatos Nacionais
Pista Coberta feminino
22 Campeonatos Nacionais
Cross feminino

5 Campeonatos Nacionais
Pista masculino

48 Campeonatos Nacionais
Pista Coberta masculino
17 Campeonatos Nacionais
Cross masculino
46 Campeonatos Nacionais
Futsal:
13 Campeonatos Nacionais
5 Taças de Portugal
6 Supertaças
2 Taças da Liga
Natação
:
6 Campeonatos Nacionais feminina
6 Campeonatos Nacionais masculina
2 Taças de Portugal masculina
Basquetebol:
8 Campeonatos Nacionais
5 Taças de Portugal
Voleibol:
2 Taças de Portugal feminino
1 Supertaça feminino
5 Campeonatos Nacionais masculino
3 Taças de Portugal masculino
3 Supertaças masculino

 

 
Inaugurado em Março de 2011, encerrado em Maio de 2014, reaberto sob o mesmo nome mas diferente endereço em Agosto de 2016, é este um pequeno e doméstico espaço onde se olha o passado, o presente e o futuro da maior potência desportiva Nacional.

O melhor do clube são as pessoas, mas não são quaisquer pessoas. Foram os nossos fundadores, atletas e treinadores. É a nossa história. O clube não és tu, não sou eu, nem «somos nós». São eles. As mensagens que publicarmos evidenciarão esse intuito, versando sobre a instituição, a sua notável história, acumulado de feitos presentes e passados, proeminentes homens que a serviram e ergueram, cumprimentando as suas memórias mas mais importante, preservando a sua autoridade, ainda que não vivam entre nós.

«Melhor que ninguém», disse o melhor entre todos.

Tuesday, 8 January 2013

Há quem não goste de detalhes. Para mim, são quase tudo. Quem consultar a etiqueta neste «blogue» com o nome de Jorge Jesus perceberá tratar-se de alguém por quem sinto especial admiração. É um autodidacta e nessa medida, um génio.

Em conversa com um amigo de longo data, ultra, portista, no passado recente a respeito da «bala de Hulk» no jogo da Luz, entre outras coisas foi dito:

Mérito de Vitor Pereira e 3 ou 4 jogadores de muita classe que têm. James é o melhor futebolista actualmente na liga Portuguesa. Mas enquanto existir Jesus existirá sempre proximidade. Jesus é muito bom, único e grande obreiro do actual SLB, equipa de relevante poderio na Europa e muito poderio internamente. O Sporting, brinca com o fogo ...

Não posso deixar de concordar quanto ao Jesus (aliás, se bem te lembras, mal assinou pelo Benfica em 2009 ambos vaticinámos que o Benfica ia passar a ser concorrente de peso ao Porto e um verdadeiro perigo em termos de potencialização dos jogadores pertencentes aos excelentes e poderosos plantéis que os milhões investidos pelo Vieira lhes tem permitido ter). Se desde 2009/10 o Benfica não tivesse sido treinado pelo Jesus, duvido que tivesse desde logo ganho o campeonato nesse ano e tivesse concorrido ferozmente com o Porto nos anos seguintes ao mesmo tempo que não só alcançava prestações de relevo na Europa como fazia milhões.

O Benfica está neste momento ao nível do Porto, em termos de força futebolística, e isso não é pouco.

Coisas pequenas que sabem bem recordar.
Grande abraço, Miguel.

3 comentários:

PB said...

Algumas opiniões minhas.

Sobre Jesus. Concordamos inteiramente com o q está escrito. Mas, o Benfica não cairá imediatamente após a sua saida. Enquanto restarem 6,7,8,9 jogadores nucleares do seu tempo, o SLB será mt forte. Sp disse isso do Braga de Domingos e sp fui mt criticado por isso, mas mantenho a opinião. A médio longo prazo se verá.

Sobre as declarações do Jesus, acho que ele as faz c três intenções

a) Sincero. Jesualdo é de facto um treinador de trabalho. Organização e cultura táctica. E isso é um grande upgrade em relação ao passado mais recente.

b) auto promoção. Importante relembrar que elogiar Jesualdo é elogiar-se a si próprio que venceu o campeonato e a taça da liga a Jesualdo

c) farpa a Vitor Pereira

Manuel Humberto said...

Lol, sem dúvida. Mas gosto dele também por isso. Tem uma comunicação fácil e honesta. Isto é, sabe que é superior a Jesualdo, mas também sabe que Jesualdo é (naquilo que descreve) muito bom. Sabendo-o, afirma-o sem grande problema. Tão transparente que faz o mesmo relativamente a outros treinadores estejam nos clubes que estiverem.

Entendeu (Schuster) que a nossa equipa foi defensiva, mas viu outro jogo! Fomos mais equipa a jogar contra os melhores do mundo. Com os jogadores que o Real Madrid tem, é preciso jogar mais. Se não o faz, o problema é do treinador! Com os jogadores dele, dava-lhe 3-0 a acabar aos cinco!

Qual o propósito?, além de responder a Schuster? Nenhum, era só mesmo a verdade. Jesus não estava no Benfica mas n'os Belenenses ...

Um grande abraço e que o Sporting transfira rapidamente Capel e Elias, termine nos lugares Europeus para salvar desportivamente esta época (agora tem condições para isso, veremos se tem o tempo) e depois então arrume-se a casa porque Jesualdo sozinho não é suficiente para o Sporting no ano que vem apresentar-se de cara lavada.

PB said...

ahhahha eu lembro-me tão bem disso! o JJ o Belém bateu-se de igual p igual com Real e Bayern!

o Real ganhou 1 a 0 com golo nos descontos, após um frango monumental do Costinha :) (não engatou nesse dia...)

Ele sem propósito nenhum, já em Braga rasgou o treinador do Portsmouth todo. Disse q os treinadores ingleses estavam parados no tempo há mais de 20 anos, que não percebiam nada de bola ahahahahaha Lindo

Post a Comment