“A substância fundamental do progresso desportivo do Sporting é um fogo clubista que incessantemente se acende. É o suporte de vida do espírito leonino; é uma matéria viva ...”


No que ao Sporting respeita: Inaugurado em Março de 2011, encerrado em Maio de 2014, reaberto sob o mesmo nome mas diferente endereço em Agosto de 2016, é este um pequeno e doméstico espaço onde se olha o passado, o presente e o futuro da maior potência desportiva Nacional.
Ademais: Este é um blogue pessoal no qual se vêem analisados outros temas, bem como um depósito para comentários sobre diversos tópicos que vou deixando um pouco por toda a parte.
Para deixar um comentário: Clica no título do respectivo 'post' (à direita do texto). Alternativamente, usa a tua conta do FB. Regras superficiais de utilização: Emprega bom-senso.

Além de boa-nova, a renovação de Adrien releva um elemento que extravasando o jogador diz muito sobre o clube: se não existisse uma relação de confiança entre as partes - pessoas, podemos ter a certeza que independentemente do gosto sentido pelo Sporting, a renovação não apareceria nesta altura, ao mesmo tempo que outras questões como as contratuais seriam sempre (neste ou em outro momento) as mais fáceis de resolver. É aquilo que indicia Adrien, percebe e sente o Sporting como o clube onde ao nível dos 'grandes' se afirmará como um dos melhores jogadores Portugueses, sentindo-o também como o clube que lhe permitirá jogar com a frequência necessária para que faça parte do conjunto de atletas regularmente chamados à selecção Nacional.

Dar o «sim» em Setembro é nada menos do que surpreendente, já que sem uma - confiança, não existiria a outra - renovação, confiança e renovação que pessoalmente percebia como possível daqui a somente 4 ou 5 meses, em resultado de uma utilização regular do jogador na equipa do Sporting.

Para o Adrien não foi pelos vistos preciso esperar tanto. Se os 2 ou 3 jogos como titular no início da época não são garantia (para ele ou qualquer outro jogador) de uma continuada aposta nas suas qualidades, a confiança que o jogador manifestamente sente no Sporting teve então de ser reforçada por outros modos: relações mantidas com o treinador Ricardo Sá Pinto e 'estrutura' directiva do Sporting - Luís Duque. Fantástico.

Fantástico, Adrien Silva

Posted on

Thursday, 6 September 2012

11 Comments
  1. Amado por uns odiado por outros, se a época correr bem será um jogador bestial se correr mal passará a besta.
    Creio que fez mal em renovar estaria melhor no Porto.

    ReplyDelete
  2. As motivações em jogar no Sporting CP ou no FCP são / seriam as mesmas. O ponto é mesmo esse: o Adrien sente que é no Sporting que irá desenvolver uma carreira de acordo com as suas qualidades. Sem isto não existiria renovação, e é esta uma percepção do jogador baseada ao certo em quê? 3 jogos a titular? Não. Tem de ter havido mais: as pessoas que no Sporting contactam com ele dia-a-dia, pessoas essas [treinador e dirigentes (Luís Duque, arriscarei dizer)] que tranquilizaram-no sobre o seu futuro desportivo. A vitória é essa porque dirá respeito ao Adrien mas também a todo e qualquer jogador que passe pelo Sporting.

    ReplyDelete
  3. As mesmas não... num clube iria lutar pelo titulo, jogar numa champions... ter mais visibilidade e assim mais possibilidade de sair para outro clube europeu e fazer um grande contrato, caso as coisas corressem bem. Noutro clube, pelo contrário, iria lutar por um lugar na champions do próximo ano (sendo optimista) e provalvelmente, nunca irá sair do sporting... ou então a sair será para um saragoça, um touluse ou um Levante ou qualquer coisa do género...

    ReplyDelete
  4. Se pensarmos em Ukra, talvez, o melhor produto da formação portista nos últimos cinco anos, arriscar-se-ia a ir para um Rio Ave...

    (tome juízo)

    ReplyDelete
  5. Ainda haveremos de ver muita desta soberba de lampioes e portistas a ser engolida em seco no mes de Maio.

    Cada vez me convenco mais que em Maio seremos campeoes.

    ReplyDelete
  6. Nós preferimos ficar à espera que voces os formem, depois compramo-los por pechinchas, ganhamos títulos e depois despachamo-los por milhões ;)... dá menos trabalho e ficamos sempre a lucrar ;)

    Ah... já agora, Pedro Oliveira, quanto ao resto que escrevi (tudo o que tinha a ver com motivação entre jogar num e noutro) não te vi a refutar nem a escrever nenhuma palavra sobre isso, ou seja, presumo que partilha da mesma ideia que eu ;)

    ReplyDelete
  7. Essa é a filosofia dos vencedores comprar por pechinchas e vender por milhões.

    ReplyDelete
  8. anonymous - tu és dos corrupos, dos que oferecem putedo, ameaçam, espancam e chantageam para ganhar.

    vai celebrar as tuas vitorias sujas para a pocilga de onde saiste.

    ReplyDelete
  9. Parece então que estou no sitio certo... então não é por estas bandas que se deposita dinheiro em contas de arbitros?!

    ReplyDelete
  10. Anónimo das 21H13,

    Vamos ver se nos entendemos, a ser verdade, o depósito foi efectuado na conta do árbitro para quê?
    Foi para o Sporting ser beneficiado?
    Não.
    Foi o Sporting a denunciar o depósito, portanto, a ser verdade, repito, o Sporting não queria era ser prejudicado, o que são coisas, completamente, diferentes.
    Já ouvi falar no "apito dourado" ou no João (pode ser) Ferreira?
    Ou em tempos mais recuados do Calabote?
    No Sporting não temos disso, temos é um campeonato perdido graças a um golo marcado com a mão por um tal Ronny do Paços de Ferreira,
    Pergunto:
    - Se o ciclista americano Lance perde os títulos que conquistou passados dez anos, porque não acontecer o mesmo ao FC Porto que venceu esse campeonato de forma ilegal?

    ReplyDelete
  11. Anonymous, de certeza que não és lampião?

    É que tens uma prosápia que se costuma encontrar com inusitada frequência nessas alimárias.

    A não ser que.....

    ReplyDelete

Search This Blog