No que ao Sporting respeita: Inaugurado em Março de 2011, encerrado em Maio de 2014, reaberto sob o mesmo nome mas diferente endereço em Agosto de 2016, é este um pequeno e doméstico espaço onde se olha o passado, o presente e o futuro da maior potência desportiva Nacional.
O melhor do clube são as pessoas, mas não são quaisquer pessoas. Foram os nossos fundadores, atletas e treinadores. É a nossa história. O clube não és tu, não sou eu, nem «somos nós». São eles. As mensagens que publicarmos evidenciarão esse intuito, versando sobre a instituição, a sua notável história, acumulado de feitos presentes e passados, proeminentes homens que a serviram e ergueram, cumprimentando as suas memórias mas mais importante, preservando a sua autoridade, ainda que não vivam entre nós.
Ademais: Este é um blogue pessoal no qual se vêem analisados outros temas.

Vimos há uns tempos as circunstâncias que ditaram a estreia da camisola verde-e-branca listada. Antes dessa, o Sporting utilizava a famosa bi-partida verde e branca, equipamento hoje solene conhecido por Stromp. Este post levar-nos-á ao dia no qual pela primeira vez uma equipa do clube se apresentou aos seus adeptos envergando-a. Foi a 1 de Dezembro de 1907, cumpriram-se ontem 104 anos, no campo da Feiteira em Benfica que viu subir ao relvado a primeira camisola hoje conhecida por Stromp, no primeiríssimo derby de Lisboa que opôs o Sporting CP ao Sport Lisboa, disputado sob tempestade, ao que parece, num campo absolutamente impraticável.

Vitória do Sporting Clube de Portugal por 2-1, num jogo que ficou para a História e é hoje aqui assinalado. Recordo um adepto do Benfica que há umas semanas afirmou, em comentário, ter o primeiro derby na história dos emblemas resultado numa vitória para o seu clube. Não é verdade: foi o Sporting quem venceu o desafio. Curiosamente, com um auto-golo de Cosme Damião. Já o primeiro golo do Sporting, foi da autoria de Cândido Rosa Rodrigues, ainda na 1ª parte. Cândido Rosa Rodrigues irmão de António Rosa Rodrigues, dois nomes muito importantes na história do Sporting e do Grupo Sport Lisboa. Podem ver-se nesta foto:

Respeita à temporada 1907/1908, com os equipamentos brancos utilizados pelo Sporting até Dezembro de 1907. Fila de baixo, da esquerda para a direita, 1º e 3º rostos, António (1º) e Cândido (3º), irmãos Rodrigues.

Cândido Rosa Rodrigues foi um homem extraordinário. Aos níveis clubísticos (plural), personalidade activa na afirmação do futebol e do desporto em Portugal. Mais importante, um gentleman, dotado de indiscutíveis (está escrito e pode ler-se) princípios. Sócio do Sporting Clube de Portugal desde Maio de 1907 e homem que sucederia ao histórico António Bentes como capitão do Sporting. Depois de Cândido Rodrigues quem seria o capitão do futebol leonino? Esse mesmo, Francisco Stromp. Porém, Cândido Rosa Rodrigues foi mais do que um nome fundamental na história do Sporting. Foi de igual modo um dos fundadores do Grupo Sport Lisboa, G. S. Lisboa que mais tarde, em 1908, seria engolido pelo clube que originou o SL e Benfica.

Documento que dá conta do 1º treino da instituição:
Pode ler-se, compareceram.

Acta da fundação do G. S. Lisboa, documento onde constam os R. Rodrigues:

Os quatro irmãos que fizeram parte do grupo fundador, família dos Catataus.

Uma camisola Stromp, o primeiro derby, e dois irmãos co-fundadores do Grupo Sport Lisboa.

Posted on

Friday, 2 December 2011

1 Comment
  1. Esse jogo disputado em 1 de Dezembro de 1907 terá ocorrido no Campo da Feiteira (Benfica).
    O Sport Lisboa nessa época 1907/1908 alugou esse campo, o que contribuíria para esgotar as suas parcas finanças e o levaria pouco tempo depois a ser engolido pelo Sport Club de Benfica (ex Grupo Sport Benfica).
    O Sporting venceria os dois jogos desse Campeonato de Lisboa contra o Sport Lisboa por 1-2 (01.12.1907) e 2-1 (23.02.1908); o Sport Lisboa ficaria em terceiro com 10 pontos a 10 pontos do primeiro classificado.
    Bibliografia: Vida e Glória de Três Gigantes (fascículos do Benfica) pp. 12/13 e http://vermelhobenfica.skyrock.com/2613556188-Campo-da-Feiteira-1907.html

    ReplyDelete

Search This Blog